Portal de Notícias de Lauro de Freitas e Região Metropolitana de Salvador Burburinho News

Secretaria Municipal de Comunicação

Reforma trabalhista e da Previdência vai doer como injeção, diz ministro de Temer

0 5
(FOTO: VALTER CAMPANATO/ AGÊNCIA BRASIL)
(FOTO: VALTER CAMPANATO/ AGÊNCIA BRASIL)

Eu tomei uma injeção e doeu. Doeu demais, mas fui convencido pelo médico de que era necessário e agora já estou me sentindo muito melhor”, disse o ministro da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima, para explicar como o governo vai tentar convencer a sociedadebrasileira da necessidade das reformas previdenciária e trabalhista. De acordo com o ministro, a Previdência não tem como se sustentar se não mudar. “Estamos propondo essas medidas com coragem, sem pensar em popularidade, e queremos apoio para que a Previdência possa pagar seus compromissos”, afirmou.

O ministro disse defender pessoalmente que o governo vá à televisão explicar as mudanças propostas, consideradas de difícil aprovação no Congresso. “Eu até defendo que isso entre na propaganda institucional do governo, de forma clara, mostrando o governo fazendo a sua parte, conversando com sua base parlamentar e pedindo apoio à sociedade. Não há outra maneira”, disse.

Segundo Geddel, o texto da reforma previdenciária tem pontos definidos, como a proposta de 65 anos de idade e de igualar todos os aposentados a um projeto só, tanto da atividade pública como da privada, além de estabelecer regras de transição “que não prejudiquem absolutamente ninguém”.”Ainda estamos ouvindo algumas pessoas e vamos levar à apreciação do presidente da República”, disse. “Se vamos aprovar (a reforma previdenciária)? Creio que sim, mas quem vai decidir isso são as pessoas, os homens e as mulheres, através dos parlamentares que os representam”, comentou.

 

Fonte: Globo.com

Comentários
Loading...