Morre garoto de 1 ano que entrou em coma após anestesia no hospital Teresa de Lisieux em Salvador

Kayllan Dias estava internado há um mês no Hospital Teresa de Lisieux, em Salvador

0 592

Um garoto, de um ano e seis meses, internado há um mês após ficar em coma, veio a óbito na noite desta sexta-feira (23). Segundo o G1, o pequeno Kayllan Dias deu entrada no Hospital Teresa de Lisieux, em Salvador, após sofrer um corte na mão em casa. Levado para o hospital, o garoto teve quatro paradas cardíacas e entrou em coma após tomar anestesia. À época, os pais dele disseram que a anestesia teria causado a piora do estado de saúde do garoto. Eles também acusaram negligência do hospital por conta de demora no atendimento. Segundo a mãe da criança, o menino se cortou, perto do punho, ao brincar com um vidro de perfume. Ainda segundo o site, o hospital afastou o médico responsável pelo procedimento e disse ter aberto sindicância para apurar o fato.

Caso

Família sofreu com internação de menino há um mês em hospital de Salvador (Foto: Reprodução/ TV Bahia)

Kayllan deu entrada no hospital após sofrer um corte na mão em casa, pouco depois das 20h do dia 23 de fevereiro. Na unidade, ele sofreu quatro paradas cardíacas e entrou e coma, após tomar anestesia.

Conforme a família, ele se cortou, perto do punho, ao brincar com um vidro de perfume. “Ele chegou [no hospital] brincando. Tem filmagens dele ‘batendo parabéns’, me chamando de mãe e soltando beijos”, relatou a mãe da criança.

Na época, a família da criança disse que houve demora no atendimento e acusou o hospital de negligência. Além disso, os pais de Kayllan acreditam que ele entrou em coma depois de uma dosagem errada de anestesia.

O médico que aplicou a substância chegou a ser afastado e o Hospital Teresa de Lisieux informou que abriu uma sindicância para apurar as denúncias da família do garoto.

G1

Comentários
Loading...