Portal de Notícias de Lauro de Freitas e Região Metropolitana de Salvador Burburinho News

Secretaria Municipal de Comunicação

Lauro de Freitas: falta de pagamento aos terceirizados do Estado prejudica alunos do Colégio Bartolomeu de Gusmão

0 27

Protesto-alunosOs estudantes do Colégio Estadual Bartolomeu de Gusmão, em Lauro de Freitas, estão há quase quinze dias sem a normalidade das aulas por falta de condições higiênicas e de infraestrutura das salas de aula. De acordo com os estudantes, faltam professores de matérias básicas como matemática, geografia e física, além de não está sendo servida a merenda escolar para os alunos.

Em protesto pela situação, os estudantes fizeram no final da manhã desta sexta-feira (15), uma manifestação nas ruas do centro da cidade para chamar a atenção da comunidade para a situação crítica em que se encontra o colégio que, segundo os alunos, não tem tido atenção do Estado.

Antes disso uma representante da SEcretaria Estadual de Educação (SEC) esteve na escola para tratar da situação do terceirizados que estão sem o pagamento dos salários. De acordo com os alunos que participaram dessa reunião, foi solicitado uma resposta para os outros problemas da unidade de ensino e a funcionária da Secretaria informou que trataria apenas do caso dos terceirizados e nada mais.

Boa parte dos problemas mencionados, como a falta de limpeza e merenda escolar, são reflexo do não pagamento do governo do Estado aos terceirizados da empresa HP, que estão há quase quatro meses sem receber os salários.

Os alunos afirmam que já fizeram solicitação na secretaria, sobre as deficiências do colégio, principalmente a falta de docentes, mas não tiveram resposta alguma.

O colégio que teve sua última reforma no ano de 1998, hoje não oferece a menor condição de estrutura para funcionar adequadamente. Fiações elétricas expostas, teto por desabar são situações graves e que comprometem a integridade física de quem estuda e trabalha no local.

Comentários
Loading...