Ciro quebra silêncio e grava vídeo declarando que não tomará lado no 2º turno

Pedetista pediu voto em favor da democracia e contra a intolerância e disse que "ninguém está obrigado a votar contra convicções e ideologias"

0 161

Chegou ao fim o silêncio de Ciro Gomes (PDT), candidato derrotado no primeiro turno das eleições deste ano. Em vídeo compartilhado em suas redes sociais, o pedetista declarou que não vai apoiar nenhum dos candidatos que disputam o segundo turno, Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL).

“Claro que todo mundo preferiria que eu tomasse um lado e participasse da campanha, mas eu não quero fazer isso. Por uma razão muito prática: se eu não posso ajudar, atrapalhar é que eu não quero”, disse.

Ainda no vídeo, Ciro pediu que a população vote em favor da democracia e contra a intolerância, completando que “ninguém está obrigado a votar contra convicções e ideologias.”

“Por agora eu só queria dizer que estou muito agradecido e cumprindo a obrigação que minha consciência me aponta. A necessidade de preservar um caminho em que a população brasileira amanhã possa ter uma referência para enfrentar os dias terríveis que estão se aproximando”, finalizou.

Uma declaração pública de apoio a candidatura do candidato do PT era esperada desde o dia 7 de outubro, após o resultado do primeiro turno. O PDT afirmou que não participaria da campanha, mas chegou a declarar “apoio crítico” a Fernando Haddad.

#aovivo

Posted by Ciro Gomes on Saturday, October 27, 2018

bahia.ba

Comentários
Loading...